O Brasil é um lugar perfeito para o som de Nora En Pure

Em 2016, não paramos. Nossas 24 horas diárias rapidamente se enchem de preocupações, responsabilidades, problemas e correrias. O mundo caótico não dá trégua para ninguém.

Em meio a tudo isso, as pessoas recorrem a música de artistas como a Nora En Pure de maneira quase que terapêutica. Ouvir a Nora te desperta um desejo de viajar, de ir urgentemente para outros lugares, como uma praia paradisíaca ou uma cachoeira deslumbrante. É uma música que traz o mundo para seus ouvidos. Relaxa, acalma e revitaliza.

Nora En Pure faz parte de um seleto grupo de artistas que estão trazendo um som mais intimista, refinado e positivo para um público que talvez tenha se cansado do barulho e da intensidade do big room.

Esse é o deep house melódico e tropical do Kygo, do Robin Schultz, do EDX, do Sam Feldt, do Lost Frequencies, do SNBRN, do Felix Jaehn, mas oficialmente apresentado ao mundo mainstream radiofônico por Calvin Harris em How Deep Is Your Love e, mais recentemente, This Is What You Came For, com Rihanna.

Nora En Pure ainda consegue se diferenciar. É uma artista que merece todo o reconhecimento por ter se desbravado em uma cena que não costuma dar muito espaço para as mulheres e ainda assim ter alcançado a excelência musical. Nora incorpora sons orgânicos da natureza, como o barulho da água caindo entre as pedras, ou o sons dos animais da floresta, e instrumentos musicais como a flauta e o piano, para formar uma identidade musical rica e impactante.

É por essas e outras que a artista vive uma fase espetacular. Ainda nesse ano lançou dois EPs incríveis - Morning Dew e Lake Arrowhead -, alcançou altas posições nos charts do Beatport, está com a agenda lotada e tem influenciado centenas de novos artistas com seu som definidor de tendências.

Com raiz sul-africana e casa na Suíça, Nora é uma cidadã do mundo capaz de levar inspiração à todos os lugares em que passa, despertando sentimentos maravilhosos em sua música. No final desse mês ela estará no Brasil e será uma pena se você não conseguir vivenciar isso ao vivo.

Nora En Pure passará por Curitiba/PR, dia 26 de Maio na DOT; Caxias do Sul/RS, dia 27 na La Barra; em seguida Campos do Jordão/SP, dia 28 na Feijoada Premium; e por fim, em Itu/SP, na Anzu Club, também no dia 28 de Maio.

Semana passada tive o privilégio de poder entrevistar a Daniela Niederer aka Nora En Pure. Logo eu que ando viciado no som dela e não paro de escutar Lake Arrowhead, I Got To Do e Saltwater em minhas playlists no Spotify. Se você ainda tiver um tempinho, dê play no último EP dela e viaje na nossa conversa.

No final do mês você estará no Brasil. Quais são as suas expectativas para esse encontro?

Eu já toquei no Brasil antes, e foi muito incrível! Estou empolgada porque vou ter mais tempo para passar no Brasil, já que, desse vez, me apresentarei em lugares diferentes do país. Eu tenho um pressentimento de que será muito divertido e confesso que estou bem ansiosa.

Se sua música fosse um lugar, com certeza seria uma praia paradisíaca, de coqueiros e águas cristalinas em um por do sol deslumbrante. Isso lembra bastante o Brasil! Você se sente influenciada pela cultura ou música brasileira toda vez que vem aqui? Existem algum brasileiro entre seus DJs favoritos?

Com certeza! Eu amo a energia e as boas vibrações do Brasil, e é um lugar perfeito para minha música. Eu sou fã da música do Gui Borrato - suas tracks têm um som melancólico bem legal. Também gosto do Vintage Culture, que já lançou algumas vezes pela nossa gravadora Enormous Tunes, e traz muita energia em seus sets e produções.

nora en pure live

Eu amo a energia e as boas vibrações do Brasil, e é um lugar perfeito para minha música.Nora En Pure

Como você chegou nesse som summer melódico de batidas deep gostosas? Sabemos que é muito difícil para um artista encontrar a sua musicalidade. Quais foram os desafios enfrentados e se você fosse dar um conselho a um produtor musical iniciante, que conselho seria?

Fiquei muitos anos tentando coisas diferentes até conseguir encontrar esse meu som. Antigamente, eu lidava com absolutamente nenhuma pressão, já que ninguém acompanhava a minha música, e isso com certeza me ajudou a experimentar mais.

Eu queria que minha música fosse refinada mas divertida e exótica ao mesmo tempo. Os basslines impactantes se combinaram com elementos da música clássica e instrumentos exóticos - considerando a qualidade sonora, que sempre foi algo importante para mim - para ter um som limpo, fresco.

Eu realmente acredito que os produtores devem focar em desenvolver seu estilo próprio, e não copiar o que já está sendo feito. Tem tanta música por aí, e muitas delas soando iguais - então desafie-se a ser diferente e experimente! :-)

Que sentimentos você busca transmitir aos fãs enquanto está tocando ou produzindo suas tracks?

Eu gosto de criar uma atmosfera que faz com que você se afaste um pouco da realidade e sonhe acordado. Eu tento emanar um som exótico com diferentes camadas e elementos em cada música. Eu costumo usar sons orgânicos como pedras chacoalhando ou gotas d'água para atingir isso.

Eu gosto de criar uma atmosfera que faz com que você se afaste um pouco da realidade e sonhe acordado.Nora En Pure

Falando um pouco sobre as mulheres no eletrônico. Por que você acha que ainda existem poucas mulheres produtoras na cena?

As mulheres amam a música e têm um grande feeling para ritmo, mas eu acho que a maioria das mulheres são mais melódicas. Elas gostam de dançar e cantar junto. E nas décadas passadas tinha majoritariamente música de club dominando a cena eletrônica, o que é a longo prazo talvez mais para homens do que para mulheres. É preciso muita paixão e paciência para aprender a produzir e buscar um caminho em meio a uma selva de homens programadores.

Qual é o maior sonho de Nora En Pure?

Estou feliz agora aonde estou e isso é algo que eu fiscalizo cuidadosamente. É incrível poder seguir uma jornada criativa e para mim é importante ter a família perto nesta história. Então enquanto eu puder juntar uma coisa à outra eu serei muito feliz.

2016 está sendo um ano excepcional com dois EPs maravilhosos e músicas hitando. Estamos na expectativa de um álbum, você já tem planos para isso?

Eu gosto de trabalhar em EPs, mas em breve, talvez, pode ser que seja hora de um álbum :-)




A Nora está em nossa playlist no Spotify. Confira! banner-playlist-edm


Publicidade

Participe da conversa